JOÃOBIDU


























Ícone Estrela "A GENTE SÓ BRIGA"

"JOÃO, queria saber porque eu e meu parceiro sempre brigamos. Gosto muito dele e na cama a gente combina de verdade. Ele é de Leão e eu de Áries. Será que vamos voltar a ficar juntos?"

--Áries e Leão sempre mandam bem na cama, Ariano, que é uma das partes mais complicadas de um relacionamento. Será que não dá para ambos se controlarem e evitar essas briguinhas bobas?

"Estou a fim de um cara que trabalha na academia ao lado da minha escola e sempre que passo, ele sorri ou até mesmo coloca a cabeça para fora para me ver. O que você acha? E o pior é que agora descobri que ele namora. Obs: sou homossexual."

—Epa! Mas será que ele joga nos dois times, Gustavo? Ou, está namorando mulher, mas gosta mesmo é de homem? Agora é com você, garoto!



Ícone Estrela "TRAÍ MINHA NAMORADA COM UM HOMEM"

“BIDU, estou traindo minha namorada com um homem e estou me sentindo muito confusa. Eu sou de Escorpião, ela é de Libra e ele é de Virgem. Não sei se estou confusa por conta de minha identificação sexual ou se é porque ela é o meu inferno astral!  Amo minha namorada, mas também amo meu amante! O que eu faço?"
--Virgem vai melhor com o seu Escorpião, Carmela,  mas não creio que o problema seja apenas o inferno astral. Parece que sua fase homo passou e agora você está na fase hetero. Precisa ver quanto tempo isso vai durar, né? O que não dá é querer ficar com os dois, valeu?

“BIDU, meus pais descobriram há pouco tempo que sou bissexual. Como faço para eles me aceitarem?"
--Você vai precisar de muita paciência, Julia, porque a maioria dos pais não aceita numa boa, pelo menos, logo no começo. Converse com eles, não perca a calma e espere até que eles se acostumem com a ideia. Com o tempo, pode ser que se mostrem mais tolerantes. Além disso, vale a pena conversar e dizer que também está sofrendo com essa história, principalmente com a reação deles. Se mesmo assim seus pais continuarem se recusando a aceitar, você pode procurar ajuda com um psicólogo para lidar com essa rejeição e, na pior das hipóteses, sair de casa e seguir sua vida da maneira que achar melhor, valeu?